Como o mercado de criptomoedas atrai cada vez mais jovens investidores? Entenda e confira dicas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

26/04/21 às 12h43
Carlos Migotto, Claudia Borges e Ramon Diniz, especial para Escola de Comunicação

Investidor há cinco anos, Felipe enxerga um futuro promissor para o mercado de criptomoedas (Foto: Cedida/Felipe Mendes)

Modernas, virtuais e extremamente valorizadas. Estas são apenas algumas características das criptomoedas, termo usado para denominar as moedas que só existem no meio digital. Impulsionadas por grandes nomes da indústria midiática, atingiram o boom de valorização no início do ano e, claro, como toda boa febre, chamaram a atenção dos mais antenados no mundo tecnológico: os jovens. 

Segundo dados obtidos pela agência de finanças Money Times, a aposta dos millennials e da geração Z no mercado financeiro tem sido, de longe, as criptomoedas. Isso porque esses jovens possuem mais familiaridade com o mundo virtual do que investidores mais velhos que, ainda, preferem investir na compra e venda de ouro, por exemplo.

E é neste momento que você deve estar se perguntando: “será que é possível um estudante como eu investir nesse mercado tão promissor?”. Mais do que uma resposta positiva, confira dicas de como investir no segmento sem pesar no típico orçamento do estudante universitário. Prepare o papel, a caneta, a calculadora e vamos lá!

DICAS DO ESPECIALISTA

Segundo o trader e investidor Felipe Mendes, um dos benefícios das criptomoedas é o fato delas serem ativos livres, ou seja, sem influência ou controle de órgãos financeiros, submetidas apenas a um banco de dados que armazena todas as transações efetuadas. “A criptomoeda é sua. Você paga, vende e compra sem a interferência de grandes bancos. Essa questão do anonimato foi fundamental para expandir o mercado das moedas virtuais”, argumenta. 

Aos 29 anos, Felipe é sócio da escola especializada em finanças Dual Traders, situada em Presidente Prudente. O espaço tem como objetivo auxiliar pessoas interessadas a ingressarem no mercado financeiro com total segurança. Quando questionado sobre a possibilidade de um estudante universitário investir no mercado virtual, a resposta foi imediata: “Hoje, qualquer pessoa consegue investir em criptos. As transações são muito mais fáceis com relação há alguns anos. Então, a partir de 50 reais já é possível começar no ramo”.

Atualmente, o trader Felipe dá aulas para quem deseja investir no mercado financeiro com segurança (Foto: Cedida/Felipe Mendes)

Em um jogo rápido com a Escola de Comunicação e Estratégias  Digitais, Felipe ainda respondeu outras questões importantes sobre o investimento em criptomoedas. Se você pretende se aventurar na área, vale a pena conferir as dicas do especialista.

Existe uma maneira correta de realizar investimentos no mercado financeiro virtual?

Todos os mercados financeiros possuem instabilidades. Não é diferente no mercado virtual das criptomoedas. Então, estudar é a maneira mais correta de se investir nos ativos. É o primeiro caminho que você deve seguir. Estudar quais são as criptos e definir qual oferece os melhores benefícios para o seu investimento.

É possível converter as moedas virtuais em dinheiro vivo? 

Sim, é possível. Você pode converter através da venda direta para outro investidor ou entrar em contato com corretoras especializadas nesse tipo de transação. E ali mesmo você já vende instantaneamente, converte em dinheiro e recebe o valor na sua conta bancária.

Quais são os benefícios de manter-se ativo no investimento desse setor?

O maior benefício é a valorização que as criptomoedas possuem, não chegando aos pés de qualquer outra ação. Elas podem subir 100%, 200% ou 300% em um dia se você entrar na hora certa. Porém, é difícil determinar o momento certo de aumento. Cabe ao investidor estudar bastante e não adicionar um valor que possa comprometer o orçamento pessoal. 

NOSSO ASPIRANTE

Se engana quem pensa que na Escola de Comunicação não existem interessados no assunto. Victor Mello, estudante do 8º termo de Publicidade de Propaganda, é um aspirante a investidor e já coleciona algumas táticas para mandar bem na área. “Eu não investiria em criptos que estão começando. Daria preferência às que já são consolidadas, algo próximo do sentimento que havia há alguns anos com relação à escolha de um banco”, opina. 

Quanto ao motivo de tamanho interesse no mercado virtual, o estudante revela com bom humor: “Certa vez eu li uma notícia de que o rapper 50 Cent havia faturado mais de 3 milhões de dólares com transações de criptomoedas. Fiquei curioso, pesquisei sobre o assunto e achei fascinante”. 

Tudo anotado? Essa é a chance de saber mais sobre a área que vem conquistando cada vez mais jovens no Brasil e estar on para as próximas tendências do mercado financeiro. Uma mão na carteira, outra no computador e bons investimentos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.