Laboratório de Pesquisa abre vagas para atendimento e operação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

04/09/2018 às 17:42 – Atualizado em: 06/09/2018 às 12:07 
Larissa Biassoti

Agência Facopp

Aos futuros publicitários que têm interesse em aprimorar as técnicas da graduação nas áreas de atendimento e operação, o Laboratório de Pesquisa da Unoeste está com 28 vagas abertas.
 
As inscrições vão até o dia 10/09. Para participar, o aluno precisa ter disponibilidade de 4h para se dedicar aos projetos, gostar de trabalhar com números e desenvolver o uso o Excel.
 
Vale ressaltar que o discente deve ser graduando do curso dePublicidade e Propaganda e estar no 4° semestre letivo em diante. O estágio não possui remuneração, mas as horas trabalhadas podem ser revertidas nas horas de atividades práticas obrigatórias.

Os estudantes vão desenvolver pesquisas destinadas à faculdade, empresas de Presidente Prudente e região, startups, bem como as que são de interesse geral da comunidade até o final de 2018.  
 
Fábio Rabello, professor e responsável pelo Laboratório de Pesquisa, acredita que os alunos que passam por essa experiência conseguem desenvolver o pensamento estratégico de forma mais ampla.
 
“A essência do Marketing e da Publicidade é o comportamento do consumidor, se você desenvolve uma pesquisa, entende o seu cliente, o seu produto, para depois ajudá-los a atingir o público. Isso faz com que a marca tenha um diferencial e sobreviva no mercado”, afirma o professor.   
 
Além de ter esse know-how, de acordo com Fábio, os discentes conseguem conectar todo o conhecimento adquirido por meio das teorias, aplicar nas pesquisas e gerar uma atuação no mercado de trabalho mais profissional.

Ele explica que as áreas que vão ser trabalhadas são de atendimento, que tem como objetivo gerenciar o cliente, e a de operação, parte responsável pela execução dos projetos.


BAGAGEM 

“A Pesquisa é de extrema importância para a descoberta das preferências, desejos, das pessoas, do que elas consideram pontos fortes, fracos, sendo assim é uma ferramenta importantíssima na tomada de decisões”, afirma Junior França, do 6º termo de Publicidade, que já passou pela experiência desse estágio.
 
Para o aluno, aprender montar, aplicar e apurar os dados dos projetos foram pontos a serem considerados e as formas como as mesmas podem ser conduzidas conforme as modalidades.
 
“Foi fundamental, abriu bastante a minha cabeça para entender como o público funciona, com eu tenho que trabalhar com ele, como tenho que gerar motivação. Um exemplo eu fiz o vídeo de dia das mães da Atlética e eu usei um roteiro de focus group e foi graças a esse laboratório”, conta Noel Martins, também do 6º termo do curso, sobre a sua participação no estágio.

Noel ficou um ano no Laboratório de Pesquisa e nesse tempo, segundo ele, fez com que se integrasse mais na Facopp, descobriu como as coisas funcionam, além de aprender mais sobre as disciplinas da graduação.   

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.