O outro lado da notícia é tema de debate na Facopp

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

20/02/2019 às 17:28 – Atualizado em: 21/02/2019 às 12:08 
Larissa Oliveira

Agência Facopp



O segundo bate-papo Vamos falar de jornalismo? já está com dia marcado! O evento ocorre nesta quinta-feira (21/02) às 19h30 no auditório Buriti, bloco B3 e tem como objetivo trazer reflexões sobre a profissão, entender o mercado e trazer experiências de profissionais que já atuam na função. Todos os estudantes de Jornalismo estão convidados a participar. 

Hoje o tema vai ao encontro de um momento marcante para a imprensa brasileira atual: “O outro lado da notícia” será debatido por cinco convidados que atuam diretamente na comunicação, seja em empresas privadas, órgãos públicos e na própria imprensa.

Você com certeza vem acompanhando as notícias de um ano que começou um tanto conturbado, como o caso da barragem de Brumadinho, em Minas Gerais, o incêndio no alojamento do Flamengo, e tantas outras informações que enchem o noticiário diariamente. Mas a responsabilidade por passar a informação é do jornalista. Seja de órgãos públicos, como governo, polícia, bombeiros, como instituições privadas, que precisam responder, muitas vezes, por suas responsabilidades legais.

E como lidar com tudo isso? A Facopp então convidou os responsáveis pela comunicação de setores públicos, privados e da própria imprensa de Presidente Prudente para falar sobre o assunto e sobre a profissão de jornalismo diante da informação nos dias atuais.

Quem participará do debate serão os jornalistas Leandro Nigre, do jornal O Imparcial; Aline Blasechi, assessoria de imprensa da Unoeste; Iury Greghi, assessoria de imprensa da Prefeitura de Presidente Prudente; Pedro Mathias, da TV Fronteira; e a major da Polícia Militar, Silvia Andréia Mantoani também fará parte do bate-papo para abordar a comunicação da polícia.
 
De acordo com uma das organizadoras e professora da Facopp, Giselle Tomé, a ideia de fazer uma segunda edição é trazer convidados para falar do mercado de trabalho.
 
“A gente pega sempre assuntos que estão sendo comentados. Tivemos o caso de Brumadinho e também do Porta Voz que conseguiu se comunicar muito bem com a imprensa e nós queremos trazer essa discussão: será que é tão fácil fazer essa ponte entre a imprensa ou outro qualquer veículo que precise passar as informações para a imprensa?”, conta Tomé.
 
O convidado e jornalista Iury Greghi, fala que o convite para participar do debate surgiu pela sua experiência nos “dois lados” do jornalismo.
 “Apesar de atuar no jornalismo há relativamente pouco tempo, em comparação com meus colegas de debate, tive a oportunidade de trabalhar em redação jornalística, em assessoria de imprensa de instituição privada e em órgão público”, diz Greghi.

Ele ainda fala que trabalhar com esse assunto é fundamental, já que o estudante de jornalismo precisa estar ciente do vasto leque de atuação quando se formar. “São muitas as diferenças e particularidades entre essas frentes de atuação e pretendo contar um pouco sobre como é atuar em cada um deles”, completa.
 
CONVIDADOS 

A roda de discussões será composta por cinco profissionais, sendo quatro jornalistas e um tenente policial. Leandro Nigre é um dos convidados, ele é especialista em Mídias Digitais Interativas, autor do blog Papai Educa e editor-executivo que atua há 16 anos no jornal O Imparcial.
 
Aline Blasechi é graduada em Comunicação Social, habilitação em Jornalismo,em 2003 pela Unoeste. É especialista em Comunicação Empresarial pelo Centro Universitário Toledo, de Araçatuba (SP). Além de ser Mestranda em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional, também pela Unoeste.
 
Iury Greghi se formou em 2013 em Jornalismo, é pós-graduado em Comunicação Empresarial, possui especialização em cerimonial e eventos, trabalhou como repórter no jornal O Imparcial e também como assessor de imprensa no Hospital Regional de Presidente Prudente. Atualmente, trabalha como servidor na Secretaria Municipal de Comunicação.
 
O jornalista Pedro Mathias tem pós-graduação em Gestão de Pessoas pela Unoeste, trabalha atualmente como editor-executivo e de fechamento do Fronteira Notícias 1ª Edição na TV Fronteira, filiada da Rede Globo, pela coordenação do jornal no “vivo”, com passagens também pelo Bom Dia Fronteira e pelo Fronteira Notícias 2ª Edição.
 
Por fim, quem compartilhará experiências do trabalho policial será a major da PM, Silvia Andréia Mantoani, do comando de Policiamento do Interior em Presidente Prudente.  
 
Você, aluno da Facopp, não fique fora dessa!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.