Quarto e último workshop apresenta dicas de como fotografar em 360°

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

12/05/2017 às 21:40 – Atualizado em: 12/05/2017 às 22:33 
Gabriel Lanza

Lucas Araújo

Imagem Notícia
Professor Rubens Cardia contou suas experiências profissionais e deu dicas sobre fotografar em 360°

Com o tema Fotografia 360°, o professor e fotojornalista Rubens Cardia ministrou o último dos quatro workshops oferecidos pela Facopp na 22ª edição da Semana da Comunicação, nesta sexta-feira (12/05), no Laboratório de Fotografia. Dentre o total de 20 vagas disponibilizadas, 17 alunos estiveram presentes no encontro.
 
Nova tendência no mercado visual, a fotografia em 360° consiste em várias fotos panorâmicas feitas em sequência, que são emendadas para formar uma única imagem panorâmica. Estas fotos são utilizadas para realizar o Tour Virtual de um determinado ambiente, a fim de que as pessoas o conheçam antes de visitá-lo.
 
Durante a oficina, o profissional trouxe um pouco de suas experiências profissionais e deu dicas sobre quais os equipamentos para se fotografar em 360°, como um bom programa para o recorte das imagens. “Quanto melhor o algoritmo do programa, melhor será a emenda das fotos e o reconhecimento dos pontos de ancoragem”, diz.
 
De acordo com o docente, atualmente, as áreas de imobiliária, jornalismo, museus, casamentos e eventos, Google Maps e 360 Citeis são as que mais investem em fotografias em 360°. “É uma área que você pode, sim, ganhar dinheiro. Algumas vezes, os trabalhadores feitos são divulgados, e isso se torna uma rede”.
 
Por meio de vários exemplos de fotografias feitas ao redor do Brasil e do mundo, os alunos presentes ainda tiveram a oportunidade de se aprofundar no assunto e, após a parte teórica, viram na prática como se fotografa em 360°, a partir de câmeras, apetrechos e programas específicos trazidos pelo professor.
 
Opinião
 
De acordo com Carlos Migotto, do 1° termo de Fotografia, que trabalha na área fotográfica, o encontro foi muito bom para absorver novos conhecimentos sobre a área. Já o aluno de Designer Gráfico, Guilherme Rodrigues, que também este presente no evento, diz que pretende seguir esta área no futuro.
 
“É uma metodologia que não são todas pessoas que estão preparados para trabalhar, principalmente por envolver metodologias específicas e difíceis, além de pessoas e clientes. É uma área que exige muito estudo e preparação, caso contrário, você não irá se dar bem nela”,  afirma Carlos.
 
“Com o workshop, a gente consegue aprender muito mais sobre o assunto, pois vimos isto na prática. Eu nunca tinha tido contato com esta área, que eu acho muito importante, mas, assim que acabar o meu curso, pretendo seguir para esta área, porque eu acho que tem a ver comigo”, conclui Rodrigues.
 
Novidade
 
Visando oferecer mais variedade e conteúdos aos alunos dos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Fotografia e de aprofundar o conteúdo aprendido em sala de aula na prática, a Semana da Comunicação deste ano contou com quatro workshops, que ocorrem de forma simultânea com as palestras.
 
Ao todo, estiverem presentes nos quatro encontros mais de 60 estudantes, que puderam aprender mais sobre os temas abordados ter contato com profissionais da comunicação como Thomas Aguilera e Rubens Cardia, Simone Cereja, Mariana Menotti e Heitor Silva e a estudante do curso de Publicidade, Barbara Benites.
 
Os workshops, que tiveram taxa padrão de R$ 15,00 e inscrições via internet, foram ministrados nos Laboratórios de Fotografia, TV e Informática da Facopp. Todos os participantes receberão agora certificados de 40 horas para a Semana da Comunicação completa e de três horas por cada workshop realizado. 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.