Samara Kalil retrata a junção de diversas funções dentro da comunicação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

25/05/2020 às 09:30
Bruna Evelyn e Karoline Kol

Antenada no mundo da moda, Samara Kalil ressalta a importância do jornalismo feminino, a paixão pelas câmeras e o entretenimento (Foto: Cedida/ Arquivo pessoal)

O jornalismo vive em constante evolução e adaptação, cada especialidade da profissão traz em si suas particularidades. A migração entre diversas áreas como impresso, TV e online fez com que a jornalista Samara Kalil, 29, se encontrasse no entretenimento.

Pelo jornalismo feminino, Samara consegue levantar a bandeira do empoderamento, levar aceitação e sororidade às mulheres que a acompanham. “Hoje realizo encontros em diferentes cidades para que possamos juntas discutir esses temas, dar força umas para as outras e de alguma maneira crescer pessoal e profissionalmente.”

EXPERIÊNCIA

A jornalista já foi repórter e apresentadora do programa Band Mulher da TV Bandeirantes, trabalhou na emissora durante sete anos. Atualmente, Samara é repórter na revista Pró-Governo e colunista nas revistas Destaque News e Magamix. Realiza palestras para o público feminino, além de produzir conteúdo nas redes sociais.

Samara, que já atuou tanto no impresso quanto no telejornal, afirma que, seja qual for o veículo, o objetivo é sempre o mesmo: levar a informação. “A TV trabalha muito com o imediato, acabou de acontecer e você está ali vendo, é aquilo e pronto. No impresso temos que trazer uma nova perspectiva, um novo olhar para aquilo que, muitas vezes, a TV já noticiou.”

A jornalista ressalta que na TV é preciso conquistar o telespectador com a imagem, a voz, a fim de prender sua atenção. No impresso, a conquista ocorre a partir do texto. “Eu sou apaixonada pelas duas artes e, sim, um complementa o outro.”

A influenciadora comenta que sua experiência na TV Band e todos os trabalhos que realizados nos bastidores, desde reuniões de pauta a interação com o telespectador, colaborou para que surgisse a vontade de estar nas redes sociais fazendo o mesmo. “A rotina de televisão é bem excitante, eu sempre gostei muito. O ‘ao vivo’, então, é mais ainda, pois tudo pode acontecer”.

PÚBLICO FEMININO

Jornalista, modelo, digital influencer, empresária e palestrante, Samara realiza workshops voltados ao público feminino, a fim de impulsionar as mulheres a serem quem são sem medo dos rótulos impostos. Samara disse que, a anos atrás, ser apresentadora de TV estava longe da sua realidade, já que jamais uma mulher plus size estaria à frente de um programa televisivo.

Hoje, ela afirma que sua missão é ser comunicadora e portadora de boas notícias. Por meio do entretenimento, ela encontrou a possibilidade no noticiar tudo o que gosta. “Eu sempre gostei de saber falar e escrever sobre tudo. Desde política até moda e agricultura, por exemplo.”

Apaixonada pelo mundo da moda e também pelo jornalismo, após concluir a graduação na área da comunicação, Samara uniu suas duas paixões. “Por conta do meu trabalho como modelo plus size e conteúdo de moda que eu publicava nas redes sociais, uma revista me convidou para ser colunista e dar dicas para as leitoras. Atualmente escrevo sobre moda para duas revistas e tenho uma loja de moda feminina”.

A profissional fala que assim como em tantas outras profissões, no jornalismo as mulheres ainda sofrem com o mercado de trabalho injusto que muitas vezes faz diferença entre os sexos. “Em tempos de crise, por exemplo, nós mulheres somos as primeiras a sofrerem com o desemprego. Em contrapartida, fico feliz em cada vez mais ver mulheres em bancadas, em reportagens especiais, expedições e cargos de chefia. Mesmo ainda havendo todo esse preconceito, nós vamos à luta e entendemos que somos tão capacitadas e merecedoras de qualquer coisa quanto eles.”

BAGAGEM

Formada em 2013 pela Facopp, a jornalista enfatiza o quanto é importante estagiar na área. Hoje com uma bagagem de conhecimento e prática, a jornalista se orgulha do amadurecimento e do saber adquirido durante esses anos. Ela conta que se especializou em Gerenciamento de Mídias Sociais, mais ainda tem vontade de se especializar em Marketing Digital.

Longe da TV, porém ainda mais perto do público, a missão de informar pelo entretenimento tornou-se algo cativante. “Me encontrei nesta área. Eu digo que sou comunicadora e sou do entretenimento. Gosto de câmeras, vídeos, levar conteúdo para o público, que é o que eu faço atualmente nas minhas redes sociais. Moda, beleza, saúde, informação, descontração, humor e muito mais.”

Samara deixa um conselho aos estudantes de jornalismo: “Seja sempre íntegro, imparcial e trabalhe sempre com a verdade. Escute mais, fale quando necessário e tenha ética. Isso sim é ser um bom jornalista.”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.