3º Setor Facopp abre inscrições para estágio

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

18/02/2019 às 20:28 – Atualizado em: 18/02/2019 às 21:40 
Larissa Biassoti e Larissa Oliveira

Marlene Reverte


O Laboratório 3º Setor Facopp está de portas abertas para o primeiro semestre letivo do ano. A plataforma online que antes se chamava Eco, passou por uma reformulação, está com interface nova e oferece seis vagas de estágio para alunos do 1º ao 8º termo de todos os cursos de Comunicação Social.  

Aos interessados, o prazo máximo para fazer a inscrição vai até o dia 22 de fevereiro. Mas, se houver alguma dependência (DP), não será possível participar do processo seletivo.

O estágio tem carga horária de 20 horas semanais, os estudantes que desejam passar pela experiência devem ter disponibilidade de locomoção no período da manhã ou à tarde, já que parte dos trabalhos é desenvolvida nas entidades.

Além de encaminhar seu currículo para gika.tome@gmail.com com dados pessoais (nome completo, contato eletrônico, telefone, endereço residencial, termo, curso e período) é preciso enviar uma carta de intenção que fale do seu interesse em participar. Não se esqueça de colocar no assunto do e-mail “Vaga no 3º Setor.”

Os candidatos que forem contemplados com as vagas receberão a resposta e também agendamento da entrevista individual por e-mail.
 

NA PRÁTICA 

“Espero engajamento por parte dos estudantes, porque o trabalho exige isso, quero pessoas para chamar o terceiro setor de ‘meu’.” Esse é o desejo da supervisora do Laboratório 3º Setor Facopp Giselle Tomé para a nova equipe, que os integrantes tenham afinidade com a área e sintam prazer em desenvolver as produções.

Tomé comenta ainda que o objetivo é proporcionar aos alunos o trabalho in loco, pois para ela é preciso ir além do trabalho na redação, é fundamental ter contato direto com as entidades, o que acaba gerando flexibilidade no horário.
  
“Trabalhar com esse setor faz com que o estudante adquira um olhar voltado para o outro, tire rótulos e tenha a oportunidade de conhecer novas realidades”, acrescenta a supervisora.  Ela ainda comenta que este ano os discentes terão o desafio de dar sequência no conteúdo com o novo design do site e espera ganhar mais visibilidade para as entidades.

Nathália Moura é jornalista e fez parte do grupo de TCC responsável pela reformulação da página do 3º Setor Facopp. Para ela, a intenção era dar informações sobre as entidades de forma clara e objetiva, mas de forma diferente, com os recursos que multimidialidade oferece, como vídeo, áudio, foto e texto.

“É bem gratificante, porque agora as pessoas possuem diversas formas para realizar suas ideias e fico muito feliz em ver os alunos darem continuidade a esse projeto”, comenta Moura.

Além da questão prática de preparação para o mercado de trabalho, a jornalista fala que o Laboratório contribui para ter um olhar humanizado no trabalho, já que no terceiro setor é preciso olhar para o próximo.  

O estudante do 7º termo de Jornalismo, Daniel Linares, esteve no estágio em 2018 e conta sobre sua experiência. “Nós fazíamos as reuniões de pautas, a professora passava todas as orientações, dava recomendações e tínhamos também que sugerirmos pautas, nós mesmos que corríamos atrás das fontes com total liberdade, mas sempre com o apoio e ajuda se precisássemos da Giselle.”

Linares acrescenta que durante esse período de trabalho ele teve aprendizado profissional – produzir várias matérias e entrevistas com pessoas e histórias diferentes – e de forma pessoal, pois o terceiro setor o fez valorizar o voluntariado, bem como reconhecimento de fatores importantes na sua vida. 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.