Interdisciplinaridade é destaque em apresentações orais da Facopp

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

22/10/2019 às 15:56
Daniel Alvarez

Apresentações contaram com a presença de professores, alunos e ex-alunos (Foto: Karoline Domingos)

Parte do Enepe 2019 (Encontro Nacional de Pesquisa e Extensão), as comunicações orais são exposições de artigos desenvolvidos por estudantes, professores ou pesquisadores nos âmbitos de ensino, pesquisa ou extensão. Na manhã desta terça-feira (22/10), entre das 10h15 às 12h, foram apresentados seis trabalhos, sendo cinco deles produzidos por facoppianos e ex-facoppianos e um por docentes do curso de Design. O bate-papo uniu a Comunicação a diversas áreas, como a Gastronomia, Agronomia, Religião, Cinema, entre outros.

O professor Tchiago Inague foi mediador das apresentações e conta que ao ocupar essa função busca sempre fazer uma relação entre os projetos apresentados. “Os trabalhos demonstram um diálogo entre os meios de comunicação e a sociedade. O processo do fazer jornalístico pode contribuir e muito com a sociedade, independentemente do tema abordado”.

Ingrid Ferreira Tomimitsu participou como apresentadora e ouvinte das exibições, para ela o Enepe é fundamental para o compartilhamento de ideias. A ex-facoppiana explica que o evento serve como um incentivo para quem busca inspirações para desenvolver novos trabalhos e pesquisas.

Já para Evandro Brandi Marques, a participação como apresentador no evento serve como auxílio e preparo para a apresentação final do TCC, além de trazer reconhecimento ao seu projeto e engrandecer seu currículo. “Para mim, é um mérito ter apresentado hoje, principalmente por se tratar de um evento de nível nacional. É uma experiência a mais que vou poder inserir em meu currículo para futuramente disputar uma vaga de emprego no mercado de trabalho”.


AS APRESENTAÇÕES

Para dar início as trocas de ideias, o professor e mediador Tchiago Inague, introduziu o evento com uma breve fala e chamou à frente os professores Lucas Dalbeto e Olivia Alves de Almeida, que apresentaram o projeto “Cinedebate: Super-heroínas das páginas para as telas”. O trabalho foi desenvolvido como pesquisa de doutorado de Lucas e teve como objetivo discutir temas como o empoderamento e a sexualização das mulheres nos filmes Mulher Maravilha e Mulher Gato.

Classificado como projeto de extensão, a parte prática do trabalho foi aberta ao público e reuniu inclusive alunos e docentes de Comunicação, já que, na época, a proposta foi divulgada no Portal Facopp.

Após isso, foi a vez do grupo composto pelos graduandos Evandro Brandi Marques, Luana Carlo Severo Mariano e Rodrigo de Moraes Silva, sob a orientação dos docentes Roberto Mancuzo e Thaisa Sallum Bacco, apresentarem o trabalho “Comunicação e Religião: A trajetória da Igreja Católica até a formação da Pastoral da Comunicação (Pascom)”.

Fruto de um TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), a apresentação dos estudantes focou na história das relações da igreja com a comunicação, assim como o uso que a igreja fez e faz até hoje das ferramentas midiáticas. Dentre as discussões levantadas, um dos focos foi a profissionalização que a igreja está tendo com relação as mídias, deixando de aceitar apenas trabalho voluntário e passando a investir em profissionais da área.

Segundo Evandro, a igreja está começando a entender a importância da profissionalização da comunicação no âmbito religioso. “Apesar de algumas pastorais funcionarem de forma voluntária, é perceptível que a comunicação interliga todas as pastorais. Então ter profissionais formados enriquece a visibilidade que elas têm”, explica.

Também desenvolvido de um TCC, o trabalho “Impactos dos avanços tecnológicos no telejornalismo regional: a experiência da TV Fronteira analógica”, foi produzido pelos recém-formados Matheus Honorio da Silva, Clara Dias Nascimento, Ingrid Ferreira Tomimitsu e Thais Aparecida Dos Santos da Silva, sob a supervisão da professora Thaisa Sallum Bacco.

Na apresentação foram discutidas as diferenças entre o telejornalismo analógico e o digital na TV Fronteira, sendo as principais mudanças notadas nas etapas de produção, reportagem, cinegrafia e edição. Outro ponto levantado durante a troca de ideias foi a ética no uso dessas novas tecnologias e a postura que o profissional ao utilizá-las. O TCC gerou como resultado um documentário, que pode ser assistido no canal da TV Facopp Online.

Parceria entre os cursos de Gastronomia e Jornalismo, o projeto “Luz, câmera e cocção: produção laboratorial de um programa gastronômico para o Youtube”, desenvolvido por Matheus Honorio da Silva, Ana Caroline Nezi da Silva, Luana Carla Severo Mariano, Julia Bergamaschi Curtinovis, Ana Luisa Granado Potinatti Alves, Carlos Eduardo Migotto, Vinícius Marini Coimbra, Matheus Santiago Rodrigues, Tchiago Inague Rodrigues e Thaisa Sallum Bacco, abordou a utilização da comunicação como forma de educar.

Durante a apresentação foram discutidas as etapas para a produção do programa, tanto por parte da Gastronomia: Mise em place, preparo e organização, quanto do Jornalismo: pré-produção, produção e pós-produção. Outro ponto abordado foi a troca de experiências entre os discentes, os gastrônomos puderam conhecer um pouco mais da área jornalística e os jornalistas obtiveram conhecimento do ramo gastronômico.

Ainda em produção, a segunda temporada do programa está prevista para ser lançada no final do 2º semestre de 2019. Já a primeira, lançada no 1º semestre de 2019, pode ser assistida no canal da TV Facopp Online.

Dando continuidade, foi a vez do projeto “Um novo olhar: documentação audiovisual das comunidades terapêuticas da Associação Lar São Francisco de Assis na Providência De Deus”, realizado por Matheus Honorio da Silva, Ana Caroline Nezi da Silva, Beatriz Goncalves Costa, Carlos Eduardo Migotto, Larissa Rodrigues Biassoti, Luana Carla Severo Mariano, Matheus Santiago Rodrigues, Vinícius Marini Coimbra e Thaisa Sallum Bacco.

O trabalho surgiu a convite da assessoria das comunidades terapêuticas, que esse ano completou 10 anos de trabalho. Como forma de reconhecimento, foi produzido um documentário com relatos de 78 fontes, entre familiares, assistidos e colaboradores. Durante o bate-papo, o destaque ficou por conta do olhar humano que o trabalho proporcionou aos integrantes, que acompanharam de perto todo o trabalho realizado pela Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus.

Segundo Luana Mariano, o contato direto com os assistidos fez com que eles se sensibilizassem e os enxergassem de outra maneira. A estudante relembra de quando foi questionada por um dos pacientes qual visão tinha deles, e afirma ter ficado sem resposta por alguns minutos.

Como resultado final da colaboração de facoppianos e ex-facoppianos, o projeto resultou em um documentário lançado 26 de junho de 2019, mesmo dia que é comemorado o Dia Internacional do Combate às Drogas. O trabalho denominado “Quatro Sinais” também pode ser assistido no canal da TV Facopp Online.

Para encerrar as apresentações, foi exposto o trabalho “Projeto Nucleus: cobertura jornalística de evento internacional realizado pela TV Facopp online”, por Ana Caroline Nezi da Silva, Carlos Eduardo Migotto, Luana Carla Severo Mariano, Matheus Honorio da Silva, Matheus Santiago Rodrigues e Vinícius Marini Coimbra, Roberto Aparecido Mancuzo Silva Junior e Thaisa Sallum Bacco.

Resultado de uma parceria entre o curso de Agronomia e a TV Facopp Online, o Projeto Nucleus é um trabalho de cunho internacional, que uniu 12 instituições para discutir o uso do nitrogênio em culturas agrícolas.

Durante os quatro dias de cobertura (26, 27, 28 e 29 de março de 2019), os estudantes acompanharam a recepção, palestras, dia de campo e a despedida. A apresentação oral abordou como foco a troca cultural proporcionada, já que o projeto contou com professores e pesquisadores de universidades estrangeiras. Já finalizado, o vídeo está no Decom (Departamento de Comunicação da Unoeste) e por ser de cunho institucional ainda não tem data para ser divulgado para o público.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Portal FACOPP | Faculdade de Comunicação Social "Jornalista Roberto Marinho" de Presidente Prudente | © 2019 Todos os direitos reservados.